5 maneiras fáceis para melhorar o comportamento e humor das crianças

Olá, apaixonados por educação.

Quem leu o título dessa matéria pode estar pensando: se fosse fácil não teria criança chorando pra vestir a roupa de manhã, não teria “birra” no supermercado e nem os estresses cotidianos. Mas acreditem, o fácil, aqui é muito mais ligado a atitudes corriqueiras, que nunca paramos para pensar na diferença que faz se feitas com atenção plena e intenção.

As cinco ações que eu separei para vocês fazem parte de algumas abordagens integrativas para a saúde mental que beneficiarão a saúde emocional e comportamental das crianças.

HIDRATAÇÃO

Sim pessoal, beber água! Se nosso corpo é composto, em sua maioria, desse elemento, é lógico que repor a água é essencial para o funcionamento correto dessa máquina maravilhosa. A desidratação diminui o foco/cognição, pode causar fadiga e afeta o humor e o desempenho.

As crianças correm maior risco de desidratação pois são mais ativas e dependem dos adultos para lhe darem água. Por isso, estabeleça horários e metas de quantidade e torne esse momento divertido. Lembre as crianças dos benefícios e beba água também!

CRIANÇA DESCANSADA, CRIANÇA FELIZ

Quando uma criança não dorme o suficiente ou tem seu sono interrompido, isso afeta tanto os neurotransmissores quanto os hormônios. Isso prejudica a habilidade de pensamento e a regulação emocional. Respeite os horários de descanso para cada faixa etária e crie uma rotina “da hora de dormir”.

A MÁGICA DO MINDFULNESS

Os cientistas confirmam que a prática diária de mindfulness é um exercício de manutenção de saúde para nossos cérebros. A atenção plena ajuda no auto-conhecimento e auto-controle, permite que as crianças aprendam sobre seus sentimentos, colabora para a regulação emocional e desenvolve habilidades e competências sócio-emocionais.

Escolha um momento para praticar junto às crianças, insira o mindfulness na rotina e comece a colher os benefícios logo nas primeiras semanas.

USE ESSÊNCIAS NATURAIS

Quase todo mundo já teve algum contato com um aroma que desperta lembranças e causam sensações. O cheiro da lavanda, pra mim, por exemplo, instantaneamente me faz relaxar os ombros e respirar mais fundo.

Essa “impressão” é porque algumas áreas do cérebro responsáveis pelo olfato também estão ligadas à memória e pelas emoções. Além disso, os mensageiros químicos da cavidade nasal têm acesso direto ao centro emocional de nosso cérebro.

Deixe que as crianças escolham uma essência de preferência (ofereça algumas que já são consideradas relaxantes, como a própria lavanda) e linque esse cheirinho com a “hora de relaxar”. Essa rotina gostosa pode também fazer parte da hora de dormir.

O PODER DA NATUREZA

Essa dica vai, principalmente, para o pessoal que mora nos grandes centros e não costuma levar as crianças para passear ao ar livre. Estudos mostram que estar em contato com a natureza também a ajuda a criança na auto-regulação emocional, tem impactos positivos no humor, na cognição e diminui a ansiedade.

Um fim de semana no parque, andar de bicicleta na pracinha, correr em meio as árvores, jogar bola na grama…que delícia né? E é bem fácil e não custa nada. Sacudam a preguiça e mãos a obra!

 


Comentários

comentários

By |2019-03-18T14:00:12-03:0018 de março de 2019|comportamento, Educação, Mindfulness, Protagonismo Infantil|0 Comments